Um testemunho de como é possível destruir esta terrível doença e ser FELIZ!

.Desabafos recentes

. Vitória

. Feliz

. Dias bons

. Sobretudo medo

. Sobretudo medo

. Aprovada

. O tempo não chega

. Para a frente é que é o c...

. É agora ou nunca

. Indefenida

. O lobo

. Hoje

. Conclusão da consulta

. Com certezas

. Férias

. Aqui... Jamais fingirei

. O início do fim

. Eu mando

. Por favor

. Ao acaso

. Aprender

. Caminhar

. É mesmo possível

. Quem disse que era fácil?

. Mais um passo

.Arquivos

. Junho 2011

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

.Outros Blogs

blogs SAPO

.subscrever feeds

Sexta-feira, 23 de Maio de 2008

Aqui... Jamais fingirei

Não preciso de fingir com sorrisos falsos. Sinto-me arrasada, sem expectativas, derrotada. 

Tropecei no atacador que não quis apertar para chegar mais depressa a casa  para agora poder dizer "Não tenho culpa de o sapato se ter desapertado!"

 

<<Mãezinha>>

 

Publicado por Aninhas às 17:26
Link do post | Comente | Adicione aos favoritos
21 comentários:
De Aninhas a 26 de Maio de 2008 às 21:09
Ohh AB! já tinha saudadinhas =')
As tuas palavras confortam smp.
Pois, só espero mesmo que seja do cansaço. Esta luta é de loucos. Sinto que n aguento. Estou smp pegada à comida, n consigo largar e lá vai tudo para fora outra vez. E mais uma. N pára... Que irritação! Porquê?? Não posso levar uma vida normal porquê? Fiz mal a alguém para merecer isto?

Estou esgotada... e quase que não andei! Acho que me estou a desviar do caminho =(

Mt obrigada pelas palavras e pelo abraço foi mt confortante.

Beijo grande*
De teqas a 26 de Maio de 2008 às 22:05
ó minha querida...quem me dera poder fazer-te acreditar na tua força! Tu não mereces, ninguém merece...nunca desejaria este sofrimento a ningu´´em, nem à pior pessoa deste mundo! Tu estás, estamos no caminho...o único possível para nós: a recuperação, a cura. Custa, dói horrores todos os dias, todo o tempo...mas ainda assim continuamos aqui...depois de cair aqui...
Também estou nessa fase cansada de tanto trabalho...mais dois mesinhos e acabo a licenciatura, mas nem isso é o mais importante. Aprendi a lutar por tanta coisa. Não vais, não vamos desistir agora, de nada..nem de ficarmos curadas! A Anorexia é a maior batalha que temos pela frente, mas acredito em ti! E a tua força ajuda-me a acreditar em mim também!
um beijinho enorme
De AB a 27 de Maio de 2008 às 10:58
Querida Aninhas, enquanto nao consegues cumprir minimamente o plano pk nao arranjas umas pequenas defesas/truques? mas depois conta à psiquiatra, pk eu nao quero ser responsavel por erros alimentares. pf.:
é que eu lembro-me (mt antes de ter sido acompanhada pela drª dulce) de ter estado como tu um dia (tudo que comia punha fora) e entao resolvi essa situaçao começando a afastar-me da comida e levando cmg a comida de casa já preparada por mim: tudo comida saudavel, sandes de pao integral com um filete de peixe assado, ou frango cozido, ovo cozido ou queijo fresco, acompanhada d eum copo de leite.. e qdo eu vi que o organismo que tinha estado paralizado tanto tempo, começou a fazer a digestao disso tao certinho fiquei tao contente que nem imaginas.. e assim continuei.. claro que entao à noite vinha o tal ataque de fome (até pk isso que eu fazia durante o dia nao era alimentaçao correcta, daí a fome à noite) e nem semrpe ficava, o que era um pena... mas ao menos já tinha alguma coisa no organismo do que tinha comido durante o dia e ao deitar voltava a tomar uma caneca de leite bem cheia que nunca punha fora..
Mas tenta pelo menos isso nesta fase para teres alguma paz para estudares..
Depois disso vai à psiquiatra e volta ao teu plano, pk esse sim é o correcto para a cura..
bj e um abraço mt apertado!
De Aninhas a 27 de Maio de 2008 às 20:34
AB,
Eu não tenho nenhum plano alimentar pq a minha médica disse para a nutricionista n passar. Justificou-se dizendo que como sou mt perfeccionista (como todas nós) ia segui-lo tão à risca que alguma coisa que comesse a mais ia achar que ia engordar. Foi qq coisa deste género que me disse e por isso n deixou que passasse. Deu-me apenas alguma digas e disse que posso comer de tudo( mas disso sei eu!).
Pois, eu já faço isso! É engraçado estares a dizer isso, foi tb uma coisa que decidi por mim. Levo smp para a escola aquilo que vou como durante o dia. A meio da manhã- um pãozinho integral com alface, para o almoço- como uma sopa por lá e um pão integral simples e levo uma maçã, dps para o primeiro lanche levo um yorgurte líq. Mas acontece exactamente o mesmo à noite dp n me consigo controlar... Mas o que me têm acontecido é bem pior. É de manhã antes de ir para as aulas e à tarde qd tenho de ficar em casa a estudar e tb à noite..
Mas já acabou!! Felizmente =D As freqs já acabaram, o stress já acabou e as compulsões atenuaram (tb só passou um dia...).
Já me sinto com força outra vez. Hj passei a tarde toda com os meus Amigos do ano passado eles dão-me toda a força que preciso sem saberem!

Beijinho grande e obrigada por dares o teu exemplo*

Comentar post

.Mais sobre mim

.Pesquisar neste blog

 

.Junho 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Dados gerais

Tive uma anorexia nervosa com crises bulímicas tratada e cuidada no HUC, onde ainda estou a ser acompanhada. Consegui atingir todos os meus objectivos, sou feliz e deixo aqui o meu testemunho em como é POSSÍVEL acabar com todo o sofrimento e dor que esta doença me trouxe.

.tags

. todas as tags

.Dos que mais gosto

. Feliz

. Férias

. Para ti... sorrio

. Conclusão da consulta

. Sofrida

. É agora ou nunca

. O lobo

. Mudar de vida

. A vida que eu levo

. Pensamentos contraditório...